A Parque Gráfico é uma feira de exposição, troca, venda e consumo de produções gráficas e publicações independentes, tais como zines, livros, livros de artista, catálogos, editoriais, postais, pôsteres, xilogravuras e toda uma infinidade de produtos impressos que carregam consigo as características desse tipo de produção: menor tiragem, alto valor artístico e conceito mais artesanal e menos industrial.

 

Com idealização e produção de Camila Petersen, duas edições da Parque Gráfico já foram realizadas: a primeira ocorreu em maio de 2016 e foi produzida com recursos do Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura 2014; a segunda foi produzida de forma independente, isto é, apenas com recursos próprios, sem patrocínio, incentivo ou apoio de qualquer natureza, e ocorreu em maio de 2017. Ambas foram realizadas nas dependências do Museu da Escola Catarinense, localizado no centro histórico de Florianópolis.

 

Os resultados foram surpreendentes desde sua primeira realização: a edição 2016 contou com 54 expositores de todo o Brasil e somou mais de 15 horas de feira, 20 horas de programação formativa distribuídas entre 08 atividades e público estimado em 5 mil pessoas – e já nesta primeira edição lançamos uma seção tanto da feira quanto da programação formativa totalmente dedicada ao público infantil, a Parquinho, iniciativa pioneira neste tipo de evento no país. A edição 2017 foi ainda melhor: foram recebidos 60 expositores, tendo além de artistas brasileiros, representantes de países como Uruguai, Argentina, Chile e Portugal, somou-se mais de 18 horas de feira, a programação formativa foi consideravelmente ampliada, oferecendo 01 palestra e 16 oficinas, o que resultou em pouco menos de 50 horas de atividades, e o público cresceu em 20%, sendo estimado em 6 mil pessoas. Além disso, esta última edição escancarou as portas para artistas com pouca ou nenhuma experiência, que estão começando a se arriscar no universo das artes gráficas, reservando a eles 25% do espaço expositivo do evento, e a Parquinho se fortaleceu, recebendo mais expositores e mais atividades destinadas às crianças.

 

Confira a lista dos expositores participantes e as fotos da edição 2016 clicando aqui e da edição 2017 clicando aqui.

 

Ficha técnica

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
 

Idealização e produção: Camila Petersen
Assistência de produção: Jean Carlos
Identidade visual: Pedro Brucz
Design Gráfico: Pedro Ripoll
Web design: Thiago Bazinga Vieira
Captação de recursos: Jean Carlos
 

<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

 

Apoio: Centro de Artes (CEART), Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) e Museu da Escola Catarinense (MESC).